Quinta, 23 de Setembro de 2021 15:34
(68) 9 9241-7768
Politica Sai em defesa

Gladson defende Bocalom e diz que prefeito não cometeu crime para sofrer impeachment

Caso aprovado, a Câmara formará uma comissão especial que será responsável pela investigação da denúncia.

30/08/2021 15h02
Por: Redação Acrelândia News Fonte: ac24horas
Gladson defende Bocalom e diz que prefeito não cometeu crime para sofrer impeachment

O governador Gladson Cameli (Progressistas) resolveu comentar na manhã desta segunda-feira, 30, as denúncias de crime político-administrativo supostamente cometido pelo prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom, também do PP. De acordo com o chefe do executivo acreano, o prefeito não cometeu nenhum crime para que possa ser levado a um possível impeachment. Segundo ele, a situação compromete a democracia. “O que esse homem fez para estarem fazendo isso com ele?”, argumentou.

Indagado se o problema enfrentado por Bocalom pode estar relacionado à falta de distribuição de cargos na administração pública com os parlamentares da base da Câmara Municipal de Rio Branco, Gladson preferiu não comentar.

Para Cameli, o Poder Executivo deve estar em harmonia com o Poder Legislativo. “Defendo a união dos poderes para o bem da população”, comentou. A Procuradoria Geral da Câmara de Vereadores de Rio Branco emitiu na última quinta-feira, 26, um parecer apontando que a denúncia protocolada pela advogada Joana D’arc Valente Santana contra o prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom, por suposto crime político-administrativo, atende aos requisitos formais.

Caso aprovado, a Câmara formará uma comissão especial que será responsável pela investigação da denúncia. Cabe a eles julgar se a denúncia se confirma, ou seja, se houve infração político-administrativa.

No documento protocolado na Câmara, a advogada afirma que o prefeito cometeu infrações político-administrativas, em face do descumprimentos do incisos VII e X do artigo 4º e no Inciso IX: artigo 59 e se parágrafo único: nos incisos VII e X do artigo 4º e no inciso I do artigo 5º do Decreto Lei º 201 de 27 de fevereiro de 1967.

O pedido ocorreu após o prefeito exonerar a corregedora-geral, Janice Lima, após ela não seguir uma orientação da Procuradoria Geral do Município (PGM) em não abrir uma investigação contra Frank Lima.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Acrelândia - AC
Atualizado às 17h27 - Fonte: Climatempo
34°
Pancada de chuva

Mín. 23° Máx. 35°

35° Sensação
7.9 km/h Vento
39.4% Umidade do ar
90% (16mm) Chance de chuva
Amanhã (24/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 32°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Sábado (25/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 22° Máx. 32°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Ele1 - Criar site de notícias